terça-feira, 21 de setembro de 2010

Muito longe

  


"Para o além e avante"




Deslize por dentro da sua mente perdida
Voce não sabe se póde controlar
ou apenas pensar
Em algum lugar bom de estar
mas voce disse que nunca esteve lá
mas tudo o que pensou ou viu
desapareceu lentamente.

Então começou um começo tudo de novo
Porque voce disse que eu não tenho cerebro
para apenas pensar
nunca viajei por aqueles lugares antes
como viajo agora, na minha mente sem cerebro
sinta pela última vez o vento
que bate em voce quando esta no alto de um arranha-céu
tire esse olhar do teu rosto
não pense, respire
voce me tira do sério, mas jamais vai me afogar de novo

Então apenas me espere
voce sabe que nunca é tarde de mais
enquanto eu caminhei na rua gelada
onde a neve não me poupava
ouvi voce dizer

Me leve para longe daqui
Onde ninguem sabe do tempo
Por favor, não cometa o erro de sair fora
ou de levar sua vida como rock and roll
um dia tudo acaba ou voce se separa

Nunca pense como eu penso
Esqueceu? Voce disse que eu não tenho cerebro
Não pare de me esperar
Ainda não é tarde
vou caminhar na rua novamente, gelada
Chuvosa
depois eu volto para te encontrar
Me espere,
apenas por hoje.

Priscila F

Nenhum comentário:

Postar um comentário