domingo, 7 de junho de 2009

I'm Still Alive

Yes people, I'm Still alive!
Ninguém me pegou na esquina e me estripou ;D
Para sua sorte, caro leitor, Jeniffer vive!
Vida longa a mim! (o.o)

Falando sério agora, estou extremamente revoltada.
Já explico.

Estava eu, andando por sites pesquisando noticias ou documentários sobre animais. Eis que acho um no MSN. Trata-se de um abaixo assinado que houve na China contra a caça dos ursos marrons. Enfim, procurei mais sobre esse assunto. E encontrei um site que explicava o porquê da caça dos ursos. E adivinhem? Por sua bilis.

A partir de agora vou descrever o que acontece com esses magnificos animais, pessoas sensiveis, apertem o "x" no canto direito da tela.

Atualmente, 7000 de ursos vivem em fazendas de extração de bílis na China. Os ursos são cirurgicamente mutilados e "ordenhados" para extração de bílis, diariamente. Esses animais são submetidos a requintes de crueldade assustadores.
Os ursos são colocados horizontalmente em gaiolas que mais parecem caixões, sem sequer poder mover-se, onde permanecem deitados sobre seus excrementos (o que lhes irrita o couro).



Com a pata, puxam a comida através do pequeno vão da jaula. Para saciar a sede, os pobres ursos têm que esticar a língua para lamber as barras da jaula.


Eles introduzem um cateter na barriga dos animais para sugar, permanentemente, o líquido de suas vesículas, a outra extremidade fica para fora da barriga do urso onde um equipamento de metal suga a bílis. Muitos morrem de infecções ou de complicações pós-operatórias. As dores do urso ultrapassam todos os limites imagináveis. Ele urra de dor, se mutila, procura suicidar-se.
Eles o prendem com um colete de metal, colocam-no na jaula com barras de pressão e o dopam.

Têm dores alucinantes por ficarem aproximadamente 15 anos na mesma posição, o que lhes deforma os ossos. Nessas condições de sofrimento intermináveis, eles ainda vivem de 15 a 20 anos. São 15 anos contínuos de dor!

As patas do urso são consideradas uma iguaria e usadas na preparação de sopas. Além disso, como as patas de ursos são muito procuradas e grande parte dos restaurantes estão prontos a pagar preços elevados por sua procura, na Ásia, certos criadores não hesitam em amputar uma ou mesmo duas patas dos ursos criados em cativeiro para extração de bílis. O consumo de ursos, tanto medicinal quanto gastronômica é legendário na Ásia. Esses consumidores acreditam que os primatas, os ursos e numerosos outros animais, mesmo os ameaçados de extinção, devem sofrer antes de morrer. Segundo eles, os animais martirizados e maltratados violentamente antes de sua morte, produzem uma quantidade de adrenalina que torna a carne mais suculenta e mais tenra.

Podemos considerar seres humanos aqueles que praticam tais atrocidades?

Quando mais conheço a humanidade, mais nojo sinto.

Então seres, vocês que leem esse blog e tem consciência, entre nesse site ( http://www.apasfa.org/peti/index.shtm l) e assine o abaixo-assinado, pra pelo menos, tentar mudar essa situação.


Para mais informações visitem os sites:
http://www.apasfa.org/peti/ursos/ursos.shtml
http://www.apasfa.org/peti/ursos/ursoshabit.shtml
http://www.aila.org.br/internacional_bfarm.htm
http://www.geocities.com/RainForest/Andes/1185/ursos.htm
http://www.geocities.com/Petsburgh/Zoo/4080/
http://www.ifaw.org/splash.php


Só pra lembrar, todos os animais tem os seguintes direitos:
Declaração de Direitos dos Seres Sensientes


0) Ser Sensiente
É um ser sensiente todo aquele que pode sofrer fisicamente ou psiquicamente,
e que se caracteriza por possuir um sistema nervoso e um cérebro desenvolvidos.
O conjunto dos seres sensientes compreende entre outros as espécies vertebradas,
os mamíferos (humanos ou não), os pássaros, os répteis, os anfibios e os peixes.

1) Direitos fundamentais
Todo o ser sensiente tem direito á vida e ao bem estar.

2) Principio de igualdade
No conjunto dos seres sensientes e devido aos seus direitos fundamentais,
as prerrogativas de cada um cessam onde começam as de outros.

3) Enquadramento legal
A lei rege os actos dos seres humanos sensientes.
As interacções dos seres sensientes humanos estão regulamentadas pela legislação existente.
As interacções dos seres sensientes humanos com os seres sensientes não humanos estão estabelecidas no artigo seguinte.

4) Modalidades
Todo o acto de um ser sensiente humano que atente contra os direitos fundamentais de um ser sensiente não humano é ilegal.
Consideram-se actos ilegais entre outros:
- A caça, a pesca, a matança para alimentação;
- os maus tratos ocasionados pela criação, a experimentação científica, os espectáculos, a domesticação.



LUTE POR ESSA CAUSA!


Nenhum comentário:

Postar um comentário